Pular para o conteúdo

Pensatas sobre Reciclagens Intraconscienciais

Cada vida humana é uma oportunidade ímpar de reciclar

No dia 04 de setembro, foi a vez da da  autora Aline Niemeyer brindar o público com o lançamento da obra Pensatas sobre Reciclagens Intraconscienciais, em live preparada pela Editares, com a participação especial da prefaciadora Marise Barros.

Foto: Acervo da Editares
Foto: Acervo da Editares
Foto: Acervo da Editares

"Pensata é uma palavra italiana que significa pensamento (PEN) e registro (ATA). São expressões pensênicas do autor, sejam curtas ou extensas, sobre todo e qualquer assunto."

Anuário da Conscienciologia 2013: Fatos e Parafatos - Pág. 272

São pequenas proposições sobre grandes assuntos. As primeiras obras específicas, dessa linha, na Conscienciologia, foram: Máximas da Conscienciologia (1996); Minidefinições Conscienciais (1996), A Natureza Ensina (1996), depois Manual dos Megapensenes Trivocabulares (2009) todos escritos pelo professor Waldo Vieira.

"Há pensatas espontâneas e pensatas trabalhadas, mas o relevante é a mensagem de esclarecimento."

Waldo Vieira, 2014

"Desde nova, com 10 a 12 anos, sempre me empolguei com ideias relacionadas à filosofia. Eu era muito curiosa em acessar novas ideias. Tinha muita afinidade com o processo de autoconhecimento, de formular ideias. Caminhei pela área do Direito, da Sociologia, e isso já estava na minha história. Depois eu vi o quanto as pensatas fazem a gente refletir e interpretar de diferentes formas: às vezes, você para em uma pensata e começa a refletir e perceber o quanto aquela ideia foi sintetizada."

Comenta Aline Niemeyer, sobre as motivações para a escrita desta obra.

A reciclagem intraconsciencial é a renovação de ideias e de posturas através da criação de novas sinapses ou conexões interneuronais a partir da aquisição de neoideias e de neoposturas. 

A autora reuniu nesta obra 430 pensatas focadas na especialidade conscienciológica Recinologia. Para ela, o estudo desses temas é responsabilidade prioritária a todas as consciências. 

"Eu aprendi demais com o livro, e recomendo."

Marise Barros (na live de lançamento)

Segundo Marise, a reciclagem intraconsciencial ou recin nos leva a estender a atenção para nosso futuro e a priorizarmos o aqui e agora, e a não ficarmos restritos apenas  à evolução pessoal, porque  isso reverberará na pensenidade sadia, de mudança no entorno. O avanço das recins (reciclagens intraconscienciais) marcam o início dos cursos intermissivos e da reurbanização no planeta Terra. “Por isso é tão importante reciclar”, reforça a prefaciadora da obra.

Confira os debates enriquecedores nas lives de lançamento desta obra instigante que transborda conhecimento. 

Expediente da matéria:

Para saber mais acesse:

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on linkedin
Share on telegram
Share on twitter
Share on email
Share on print

Mais sobre

Em alta