Reflexões Tenepessísticas

Aconteceu em novembro de 2021 o lançamento do livro Reflexões Tenepessísticas, pela Epígrafe Editora e Livraria em parceria com a IC Tenepes, escrito por Ney Vugman, em live mediada pela autora veterana Rosemary Salles com participação especial de Aride Guinalli, do coordenador da IC Tenepes e prefaciador da obra Flávio Amado, e dos voluntários da Aracê, Marcelo Rouanet e Marco Antonio Facury.

Foto: Epígrafe Editora e Livraria

Compartilhe:

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on linkedin
Share on telegram
Share on twitter
Share on email
Share on print

Nessa obra o autor compartilha as próprias experiências e reflexões sobre a sua tarefa energética pessoal (tenepes), trazendo vivências que contribuem para esclarecer os interessados na aplicação dessa técnica assistencial, assim como os praticantes calouros e veteranos, e ainda, amplia a oferta de obras literárias sobre as pesquisas na especialidade de Tenepessologia.

"Eu tenho 22 anos de tenepessismo, e esse livro foi a experiência teática das últimas décadas, adquirida através do tempo e da idade… escrever sobre esse tema requer muita experimentação e percepção de fatos e parafatos, e maxifraternismo envolvente."

explica o autor que já coordenou o grupo de praticantes da técnica tenepes, o GPC -Tenepes do IIPC

A tarefa energética pessoal (tenepes) é a doação de energias conscienciais, diária e ininterrupta, por um período de 50 minutos, realizada de modo anônimo pelo praticante da técnica, em conjunto com amparador extrafísico. Essa técnica é fundamentada e orientada pelas diretrizes do paradigma consciencial e foi proposta pelo pesquisador Waldo Vieira na década de 90. Conhecida anteriormente pelo termo “passe para o escuro”, seus procedimentos foram sistematizados na obra Manual da Tenepes que pode ser baixada, gratuitamente, do site da Editares no link.

Confira as explicações e relatos esclarecedores na entrevista da Rádio Comunicadora Iguassu, e na live de lançamento com o autor e convidados nos links a seguir:

Lançamento Campus CEAEC:

Entrevista na Rádio RCI:

Expediente da matéria:

Mais sobre

Em alta